Gavião-carijó ataca pombo em avenida de Ribeirão

gaviao ataca pomboDe acordo com a bióloga Ana Carla Aquino, da USP de Ribeirão, a ave é um gavião-carijó (Rupornis magnirostris), da família

“Pela plumagem, aparenta ser um gavião jovem”, explicou a bióloga. “Ele se adaptou muito bem aos centros urbanos, por existir alimentos em abundância, como os pombos”, acrescentou.dos acipitrídeos, encontrado em diferentes ambientes, ocorrendo do México à Argentina, sendo a espécie predominante no Brasil.

Cadeia alimentar
Segundo o zootecnista Alexandre Carvalho Gouvêa, chefe do Bosque Fábio Barreto, de Ribeirão, “toda ave de rapina tem um papel indispensável no equilíbrio da fauna”.

Um gavião-carijó pesa entre 250 e 300 gramas, mede de 31 a 41 centímetros, sendo os machos 20% menores que as fêmeas. A ave atinge velocidade média em ataque de 40 km/hora.

Terror em galinheiro
Essa espécie também é conhecida como terror dos galinheiros e ganhou nomes como anajé, gavião-indaié, gavião-pinhel, gavião-pega-pinto e inajé, gavião-pinhé. Em Ribeirão, além do carijó, é muito comum encontrar o gavião-carcará, que vive em canaviais, se alimentando de pequenos roedores e cobras.

Fonte: http://www.jornalacidade.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *